7 dicas para escrever artigos com SEO para o seu site em wordpress

junho 8, 2021
Posted in News, Seo
junho 8, 2021 Web Para Leigos

7 dicas para escrever artigos com SEO para o seu site em wordpress

Marcar presença no meio online é a forma ideal de se tornar uma autoridade no mercado, permitindo que uma empresa nutra a credibilidade da sua persona.

Segundo Simone Mielle, Empreendedora Digital e CEO do Web Para Leigos, “ter um website atualizado é essencial para todo negócio físico ou digital porque transmite confiança ao prospect, que vê conteúdos novos a todo momento, e posiciona a marca de forma orgânica nos canais de busca”.

Fazer isso sem o SEO pode ser perda de tempo.

Ao aplicar estratégias de SEO à produção de conteúdo, você favorece a autoridade da página, permitindo mecanismos de busca, como o Google, encontrem sua página mais facilmente.

A expansão do tráfego de sua página ou site está diretamente relacionada a isso, bem como um ROI significativo. Ao disseminar credibilidade da sua empresa, você atrai mais usuários e ainda consegue fechar mais vendas!

A seguir, vamos apresentar 7 dicas sobre a produção de conteúdo relevante, para que você possa turbinar o alcance do seu site!

1. Preste atenção aos títulos das páginas!

Acredite ou não, mas o título de uma página influencia muito o SEO. Segundo estudos, você tem oito segundos para capturar a atenção do leitor. Sem um título atraente, sua postagem vai passar batida.
Preocupe-se em atiçar a curiosidade dos usuários e não se esqueça de usar palavras-chaves principais, ligadas ao texto e que sejam buscadas pelos usuários.

2. Faça bom uso das palavras-chave

Usar palavras e frases-chave é essencial para um texto atrativo para os mecanismos de busca. É isso que permite que o Google entenda qual é o conteúdo postado.
Selecione as mais coerentes com o post e insira-as de forma natural, não as repita excessivamente ou você pode ser penalizado. Em casos exagerados, como punição, o site pode até mesmo sumir dos buscadores.

3. Use ‘meta descriptions’ e evite stop-words

Se você não fizer o próprio resumo do conteúdo na página, o Google irá coletar uma amostra do texto para isso, e nem sempre o trecho escolhido será o mais favorável.
Fazer uma meta description, ou seja, aquele resuminho que aparece embaixo do título, é essencial.
Seja breve e direto, assim como consistente e chamativo. É a oportunidade de brilhar na página de resultados. Ah, e não se esqueça de inserir a palavra-chave nele!
Palavras como “agora”, “como”, “quando, são as chamadas stop-words. Os mecanismos de busca simplesmente ignoram. Portanto, usá-las apenas serve para alongar os links. Evite, se puder.

4. Invista em imagens

Cá entre nós, muitos brasileiros não têm o hábito de leitura. Por isso, um site atraente precisa de imagens destacadas — além de facilitar a leitura do site, também otimizam o ranqueamento.
Para te orientar na quantidade, tente se atentar: uma imagem a cada 150 – 200 palavras.
Mas lembre-se: é preciso renomear as imagens com as palavras-chave corretas. Portanto, se você está escrevendo com foco na palavra “Otimização SEO”, o título da imagem (alt e title) deve ser “Otimização SEO” também.
O motivo? Ao terem um bom posicionamento, quando uma pessoa está buscando uma foto, por exemplo, pode encontrar o conteúdo e gerar ainda mais tráfego.

5. Insira links externos e internos

Não bastam backlinks (sites referenciando o seu) para ajudar uma postagem a ranquear, criar conexões internas e externas é importante!
O mecanismo prioriza websites que promovem a navegabilidade na internet. Então, além de adicionar links que possam ajudar usuários a encontrarem outras páginas importantes relacionadas ao tema, coloque links externos (fora do seu site) para conteúdos complementares (ex: notícia de um portal).

6. Aproveite tags de cabeçalho

Não se engane, poucas pessoas leem artigos por inteiro. Por isso, é importante facilitar a apresentação do texto ao máximo.
Divida o artigo em pequenos parágrafos, crie seções com as tags de cabeçalho H2 a H4 (há 6 níveis de títulos, mas usar além do nível 4 é raro). Reserve H1 para o título e nunca a repita na mesma página. Insira palavras-chave neles, mas não repita sempre as mesmas.
Assim, o mecanismo de pesquisa pode entender melhor as seções principais do post.

7. Use palavras de transição

Recomenda-se o uso de palavras de transição (como: assim, além disso e, portanto,) para melhorar a qualidade de indexação dos textos e tornar a leitura mais agradável.
Mas cuidado para não exagerar, hein? As frases não devem ser muito longas e nem os parágrafos muito compridos.

Bônus: buscar ajuda profissional pode ser um diferencial

Apesar do WordPress ser muito intuitivo e permitir a instalação de plugins para avaliar o SEO de um conteúdo (como o Yoast), buscar um profissional pode ser a decisão mais sábia.
O Google possui mais de 100 critérios de posicionamento, que são atualizados mensalmente. É fundamental ter alguém antenado nos assuntos e com conhecimento nas técnicas de escrita específicas para ajudar a ranquear os termos certos e garantir para a sua empresa excelentes resultados.

, , , , ,
Soluções
Individuais
Um site alinhado às estratégias comerciais do seu negócio facilita a apresentação, permite a prospecção online 24 horas e imprime credibilidade para o usuário

Onde Estamos

Rua Álvares de Azevedo, 53 altos
Boqueirão, Santos/SP
CEP 11045-130

Fale Conosco

Siga No Instagram

Acompanhe nossos posts,
dicas e cases nos stories
@webparaleigos

Copyright 2021 | Todos os direitos garantidos
×